top of page

Mais de 10 ararinhas-azuis são soltas na natureza, no sertão baiano

Soltura ocorreu na zona rural de Curaçá, habitat natural das aves.




Doze ararinhas-azuis foram soltas na zona rural de Curaçá, no sertão baiano, habitat natural das aves. A soltura ocorreu no sábado (10) e já havia sido informada pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) em junho deste ano, quando ocorreu a soltura de outras aves desta espécie.


Esta foi a segunda e a maior soltura do Plano Nacional da Ararinha-azul, desde março de 2020, quando 52 aves voltaram ao local de origem, oriundas da Alemanha, depois da ararinha spix ter sido considerada extinta na natureza.


Conforme o ICMBio, as portinholas do gradil do recinto de soltura do centro de reintrodução e reprodução da ararinha-azul foram abertas. Em uma bandeja suspensa, no lado de fora, foi colocado um alimento como atrativo para as aves. Elas começaram a sair do gradil cerca de uma hora após a abertura das portinholas.



Os animais continuam sendo monitorados pelos brigadistas e agentes do ICMBio e biólogos da ACTP. Eles também contam com o apoio de moradores da cidade para pegar informações das ararinhas que foram soltas na natureza.


Ainda de acordo com o ICMBio, duas adolescentes puderam acompanhar a soltura das ararinhas-azuis. Elas foram selecionadas através de concurso cultural de desenho, realizado em parceria com a Bluesky Caatinga, nas redes sociais. As jovens acompanharam a soltura das aves em uma barraca camuflada, localizada a uma distância segura para evitar assustar ou estressar as ararinhas.


Na ocasião, as meninas conheceram os detalhes do trabalho de reintrodução das ararinhas-azuis na naturez e aprenderam na prática uma lição sobre a importância da preservação ambiental.



Por G1 https://g1.globo.com/google/amp/ba/bahia/noticia/2022/12/11/mais-de-10-ararinhas-azuis-sao-soltas-no-sertao-baiano.ghtml

0 visualizaciones0 comentarios
bottom of page